quarta-feira, março 15, 2006

Renascer...

Pois é... Cá estou eu renovada, e pronta para outra!

Não tenho sido presença muito assídua neste meu blog (mea culpa), tão só porque o tempo não é muito mas também porque como ando com a cabeça a mil, não tenho tido grande inspiração.

Tenho quando posso acompanhado os desenvolvimentos nos blogs da minha lista, e tenho falado com algumas amigas no msn. Nunca deixo de vir cá! A blogosfera já faz parte da minha vida.

Estou muito satisfeita pela onda dos positivos que se vive, parabéns a todas!

Não queria deixar de comentar, a reportagem que passou na RTP, a qual teve como protagonista a minha querida amiga Musa.

A reportagem, no meu entender, ficou mito aquém das expectativas. Esperava-se uma reportagem bem elaborada, desenvolvida, que falasse com maior amplitude deste problema, suas implicações e formas de resolução, ilustrando com histórias reais contadas na primeira pessoa. Que apresentasse as soluções existentes e mais importante do que isso, que referisse os custos exorbitantes que os casais têm de suportar para fazerem os tratamentos de infertilidade, sem qualquer contribuição por parte do estado português, do qual somos todos contribuintes pagantes.

No entanto, a reportagem, minimalista, limitou-se a referir a existência de uma petição, tal e tal... e já está (pelo menos foi esta a idéia com que eu fiquei)!

Ora, o público em geral (pessoas que não vivem por dentro este problema, nem sabem da sua verdadeira amplitude), ficou a entender o mesmo... Ou se calhar até ficou com uma idéia errada, daí que alguns colegas da nossa amiga lhe tenham dito que ela agora era uma estrela da televisão.

Aquela imagem da outra amiga nossa, a pedir as assinaturas, para o ouvinte menos atento, deveria parecer algo como um peditório para uma qualquer causa... E portanto, se mais tarde esse ouvinte menos atento, for abordado por alguém para assinar a petição fugirá a sete pés julgando que o que pretendem é dinheiro.

Francamente, poderia ter sido melhor! Muito melhor!

Queria aqui deixar este parágrafo para a minha amiga Musa: Realmente é muito estranho falarmos com as pessoas virtuais e depois vermos como elas são na vida real! Adorei a tua participação, a dicção, a maneira objectiva como falaste! És a cara de todas nós! Quantos aos teus colegas já sabes o que penso...

Num dos meus próximos posts vou comentar sobre o "negócio da infertilidade", mas isso será para quando tiver mais um bocadinho.

Beijos para todas

7 comentários:

Lita disse...

Amiga,

Tive pena de não ter visto a reportagem. Uma amiga minha ligou-me para me perguntar se eu estava a ver, mas não estava em casa...

É uma pena que quando há oportunidade de se falar sobre o assunto, este não seja abordado da melhor forma.

Beijinhos,
Lita

Tiquinha disse...

não consigo abrir a tua n«musica......búaaaaa

Clara Sonhadora disse...

Eu não vi mas pelo que soube, como sempre, não dão a cobertura q se espera... se fosse desporto tinha direito a 30 min de antena.

Meleca de país este. Dá-se valor ao que não tem.

Beijocas

Mariazinha disse...

OLá eu não vi a reportagem no domingo mas fui ver depois na net no site da rtp, realmente foi mto pouco tempo mas é mesmo assim...

sou da opinião da clara se fosse futebol dava masi de 30 minutos :( :(

Beijocas

Alexandra disse...

Olá amiga!
Como falamos tanto pelo msn, nem sei q o hei-de escrever aqui...olha...aqui fica um beijinho e tenho pena q não nos possas ir conhecer pessoalmente no sábado.
Beijinhos
Alexandra

Bem Me Queres disse...

Amiga, subscrevo cada palavra tua sobre a reportagem. Sabia o conteúdo da entrevista da Musa e havia mt material para eles explorarem....mas enfim....
Eu tb tenho andado "fugida", mas prometo regressar em força!
Beijoquinhas doces
Cláudia

Musa disse...

Amiga, obrigada pela tua força! Tens sido incansável e agora estou eu ansiosa por te conhecer a ti!...
E olha, no meio de tantas reacções algo desajustadas, ainda houve quem me surpreendesse, como hoje...
É por isso que digo: "valeu a pena!"... Por muito pouco que tenham mostrado, foi o suficiente para muitas pessoas procurarem a petição e começarem a assinar... Pode ser que para apróxima consigamos um pouco mais de anteção, quem sabe...
Beijihnos mto grandes e um óptimo FDS para ti!
Musa