terça-feira, abril 11, 2006

O encontro das "Mosquiteiras"

Como muitas já saberão, no Sábado passado, houve o encontro das "Mosquiteiras". Já vi pelas reacções no Bloga da Alexandra, que muitas ficaram tristes por não saberem do encontro. Ora, então passo a explicar:
Em primeiro lugar, isto de falar do encontro do passado Sábado quase a chegar a outro Sábado, não está com nada, mas o trabalho tem destas coisas, e ainda por cima eu devia estar oficialmente de férias. Portanto, já estão a ver, nem férias, nem tempo para fazer os meus comentários no blog. Isto realmente não há quem mereça...
Em segundo lugar, este encontro entre as meninas denominadas "Mosquiteiras", nada teve de segregacionista para as outras meninas nossas amigas e companheiras de luta. Aconteceu apenas porque entre nós "Mosquiteiras" se criou uma empatia especial, porque ao falarmos umas com as outras acabamos por descobrir que temos muitas coisas em comum: O sítio onde fazemos tratamentos, as profissões dos maridos, gostos comuns, etc.
Assim, decidimos oficializar as nossas conversas no messenger, com o conhecimento pessoal, principalmente o meu, porque a Alexandra e a Tiquinha já se conheciam.
Confesso, que não andava nada virada para isso. Quando comecei estas incursões na blogoesfera, não era de todo intenção minha "envolver-me" pessoalmente com ninguém, porque a interacção pessoal torna muito mais onerosa qualquer relação. É fácil, para nós opinarmos sobre os blogs e sobre os pensamentos alheios, porque estamos distanciadas, não conhecemos. No entanto, quando essas pessoas passam para a nossa esfera de conhecimento pessoal, e se tornam pessoas pelas quais nutrimos sentimentos de amizade, as coisas tornam-se mais dificeis.
Estas são algumas das razões porque nunca fui a nenhum dos encontros, e porque estive um pouco relutante em ir encontrar as "Mosquiteiras". Desde Sábado, estas minhas amigas passaram da esfera virtual para a esfera pessoal, o que acarreta uma responsabilidade maior.
Adorei conhecer estas novas amigas. São estupendas! Quando nos encontramos parecia que já nos conhecíamos há anos! Passamos um tempo estupendo juntas!
Isto de passar do virtual ao real tem muito que se lhe diga, e devo dizer-vos que se há 6 meses atrás alguém me dissesse que eu estaria a combinar encontros (ui! Isto soa a traição!) com pessoas que conheci através da internet, eu provavelmente diria a essa pessoa que estaria a precisar de tratamento. No entanto, tem sido tão mais fácil para mim partilhar convosco, companheiras de luta, esta faceta tão sombria da minha personalidade. Tem sido tão mais fácil aceitar as desilusões deste processo tão difícil, sabendo que estais desse lado, e que percebeis perfeitamente aquilo por que estou a passar, porque vocês também passam e sentem o mesmo...
Enfim, obrigada pelo vosso carinho! Mesmo não vos conhecendo pessoalmente (ainda) torço da mesma forma por todas e sei que torcem também por mim.
Beijos a todas

13 comentários:

cris disse...

Realmente é muito mais fácil entregar e partilhar a nossa dor com todas estas guerreiras, porque nos entendem melhor do que ninguém, porque estão sempre aqui para nos ouvir, e sempre prontas para nos dar o seu carinho, tal como tu fizes-te comigo guerreira!
Mil beijinhos

Alexandra disse...

Amiga,
Fiquei corada e "inchada" pelo privilégio q me concedeste.
Vou tentar nunca te desiludir e estar sempre presente, quer nos bons, quer nos maus momentos...afinal, é para isso q servem os amigos!
Um beijinho muito grande e...vê lá se gozas as férias!!
Alexandra

Tânia disse...

Às vezes acababos por ser conquistadas, assim, sei dar por nada.

Beijinhos

Tânia disse...

Às vezes acababos por ser conquistadas, assim, sei dar por nada.

Beijinhos

Penélope disse...

Sim…eu tb fiquei com inveja do vosso encontro, tb queria… buáaaaaaaaaa!
Compreendo perfeitamente o que escreveste; tb eu, se à 1 ano me perguntassem se teria um blog, se trocaria mensagens virtuais com outras pessoas, diria logo «estás louca»! Apesar da desgraça (infertilidade) por que estamos a passar, sinto-me muito acompanhada e acariciada. Sei que existem outras mulheres/homens que estão a sofrer a mesma dor que eu, que se deparam com os mesmos problemas, os mesmos sentimentos e sinto-me muito bem ao compartilha esses sentimentos com elas/eles.
Deixei de sofrer em silêncio – poucas são as pessoas que conhecem a minha infertilidade; sei que posso contar com vocês, amigas super-especiais, que dão uma mão ou uma palavra amiga quando mais preciso – e olha que muitas são as vezes em que precisamos dessa mão e dessas palavras amigas - a nossa luta por um filho é muito engrata!
Um grande bj,
Penélope

Tiquinha disse...

Estas tuas palavras hoje.... deixam-me de lágrima no canto do olho!!! Pronto confesso, rolam gordas pela cara abaixo!!!!!
Espero nunca te disiludir!!! E sabes que podes contar aqui com esta mosquiteira ,para o que der e vier!!!!
Um xii enorme, daqueles apertadinhos!!! E boas férias!!!

Bem Me Queres disse...

Tenho a certeza que se divertiram muito! Eu adoro estes encontros....
Beijinhos doces
Cláudia

Mariazinha disse...

Olá

Ainda vem que se conheceram tb já conheci algumas de nós e adorei..

Peço desculpa por ontem nao ter acabado a nossa conversa mas o serviço complicou se e quando olhei para o msn ja estavas of line por isso quando nos encontrarmo nos one line acabo ok

beijos

Matilde disse...

Olá, amiga :))
Passei para te dar umas Beijokinhas cheias de amêndoas e coisinhas doces :)) Boa Páscoa...
Matilde

Alexandra disse...

Amiga,
Como não sei se ainda falarei contigo hoje...aqui vai o meu desejo de q passes uma excelente Páscoa, com algum descanso à mistura...PARA VARIAR!
Beijinhos grandes!
Alexandra

mimi disse...

Uma Pascoa Feliz, querida!
Beijoquinhas fofas

Anaritababy disse...

Olá passei só para te desejar uma Páscoa Feliz.
Qto ao jantar acho optimo k a vossa amizade floresça..a amizade é uma coisa muito expontanea..não dá para explicar.
Beijinhos e vai dando noticias ;)

Musa disse...

Desta vez estão perdoadas mas para a próxima tb te quero conhecer e à Tiquinha! A Alex já conheço por isso sei que deve ter sido o MÁXIMO!!!
Beijinhos!
Musa