quarta-feira, abril 25, 2007

24 hours job

Venho cá, num pequeno intervalo, e nem sei se conseguirei terminar este post em tempo útil. Ao pensamento assola-me o título de uma canção (sempre a música a marcar pontos) da minha adolescência, e se na altura o título nada me dizia, agora acho-lhe piada: "Working nine to five, what a way to make a living..."

Bem nós por cá não trabalhamos só das 9 às 5, temos um trabalho de 24 horas sobre 24. Os pipizes estão uns amores, muito crescidos e já começam a demonstrar as suas personalidades.

O "Locas", está um gorducho, pesava 3,700 no dia 19, agora deve andar por volta dos 3,900, mais coisa menos coisa. É um mimalhaço, muito comilão. Se o acordo para mamar, ele ainda vai estando bem disposto , se por acaso o deixo dormir até ele acordar, começa logo a chorar para comer e só se cala quando sente o biberão na boca. Adora colinho, e dormir na caminha dos papás (sim, eu sei que não se faz, mas quem consegue resistir a dar muitos miminhos depois do que eles passaram??).

A M. é mais independente, mais magrinha, está a retomar o lugar que sempre teve na barriga, ele o comilão, ela a mais magrinha. No dia 19 estava com 3,520. É muito sensível e refilona. Se existe muita agitação ressente-se logo, é mulher e basta.

Enquanto escrevo, o meu pé direito embala a espreguiçadeira do "locas", a M. dorme no sofá aqui detrás de mim. Sentei-me depois de lavar biberões 4 vezes e de os esterilizar pelo menos 3. As mamadas têm de estar sempre prontas. Tenho biberões no frigorifico e 2 aquecedores de biberões sempre ligados (de noite então dá um jeitaço).

Já aprendi que o trabalho de mãe não acaba, enquanto eles dormem (e quando o fazem), temos de deixar tudo pronto para não faltar nada da próxima vez que seja necessária. Tomamos banho a correr, e sempre com o intercomunicador ligado, o creme no corpo após o banho é uma miragem, e por vezes até para pentear o cabelo temos de esperar até ao fim da manhã.

Com tudo isto, muitas são as vezes que ficamos sem comer ou perdemos o apetite, o que comemos é sempre a engolir, porque o irónico é que eles parecem dar pelo nosso "relax" e um deles começa a chorar e lá vem a mãe tipo ventoínha sossegar o bebé, o que leva a que quando conseguimos voltar à mesa a comida já esteja fria e tenhamos perdido completamente a fome. isto, quando o outro gémeo não começa a chorar a seguir (porque eles apesar de gémeos falsos, estão em perfeita sintonia: Um tem soluços, o outro também, um remexe-se a dormir, o outro também, etc.).

O nosso trabalho, vai para além de suprir as necessidades de comidinha dos nossos rebentos, também temos de ajudar a fazer os cocózes, aspirar os narizinhos para tirar as secreções, etc, etc. Por esta altura, os meus gémeos já me xixizaram as calças as camisolas, os cortinados e centenas de bodys acabadinhos de mudar. Os cocózes então... Nem vou falar....

As noites, fazem-me lembrar aquela musica do Pedro Abrunhosa "Longas são as noites... que passo sem dormir...", perco a noção de tempo de de espaço, e a qualquer ruído salto da cama tipo mola. Os pipizes ainda não dormem muitas horas seguidas e choram quando querem a comidinha, como optamos por dar a comida ao mais esfaimado (em geral o locas) e deixar dormir o outro. Já acordo a ouvir choros que não existem, e sem saber onde estou e a pensar se já terão passado muitas horas, e quando olho para o relógio vejo que passaram apenas alguns minutos desde a última vez que para ele olhei.

Temos tido ajuda, porque senão acredito que seria ainda mais complicado. Mas ainda assim, tem sido duro, sempre que posso, saio um pouco e vou espairecer, acho que é o melhor que posso fazer por mim e por eles. Acho que deve ser isto a que chamam o "baby blues", no caso das mães de gémeos, deve ser a dobrar. Acredito que esta fase vai passar, este é só mais um desafio.

"Working 9 to 5 what a way to make a living"

Beijos a todas

21 comentários:

Lita disse...

Minha querida,

Que bem que tu retratas a tua nova profissão, a que te acompanhará para sempre, a de MÃE!!!
Por muito pouco que durmas, e tenho uma amiga que acabou de ser mãe que me disse que era um "fartote de não dormir", vale a pena cada minuto, cada noite mal dormida, não é amiga?
Podes não ter tempo para muitas coisas que fazias antes, mas com certeza que dirás todos os dias, e com um grande sorriso, que antes um cocó do que um hidratante no teu corpo. É sinal de que estão contigo, que estão bem e que tudo valeu a pena!

Um grande beijinho para ti, para a M. e para o Locas.
Lita

Barriguita disse...

REALMENTE NÃO DEVE SER FÁCIL... MAS ESTA FASE NÃO TARDA A PASSAR. e TENHO CERTEZA QUE APESAR DO CANSAÇO, ESTÁS MAIS FELIZ QUE NUNCA.

BEIJOS

MIcas disse...

Beeeemm....depois de ler e reler este post fiquei com a sensação que o meu desejo de ter gémeos se "esfumou"!!! :-)
Claro que não!!!

Acho que este "trabalho" não tem valor e com Amor tudo se consegue....agora explicar isso aos babies é que é dificil!!! :-)

Beijinhos pra todos,
Inês

amora disse...

Continuo a adorar ler estes teus relatos. São magníficos!

beijos para ti e para os pipizes

*CC* disse...

è um ritmo alucinante, mas certamente vale bem a pena.

Que continue tudo a correr muito bem.

Beijocas
CC

Carla Isabel disse...

Minha linda coragem...vai correr bem...coragem...depois vais ver que entras perfeitamente na rotina!

Bjs

Carla

Sonia disse...

Até me senti cansada com a descrição LOL , oh meu Deus, de facto penso mtas xs em ti e em pais de gémeos, pq se a Mi já dá o trabalhão que dá, dois imagino... ou melhor , não imagino ehehehe

O bom é que está tudo bem, e entendo perfeitamente a ideia de ficarem na vossa cama depois do que passaram, eu sinto o mesmo com a Mi. Depois do internamento , sinto que ela necessita de mto mto mimo.

beijinhos grandes!
tudo de bom.

Pensamentos Felizes disse...

Sem tirar nem por, a profissão de mãe é isso mesmo :)
quanto a ter os filhos na cama, o meu filho dorme comigo desde que nasceu. Foram poucas as noites em que ele dormiu nacama de grades (hoje nem sei porque a comprei). Se faço mal? há quem diga que sim há quem diga que não, eu acho que não, adoro o cossleeping :)
beijinhos
Cris

susana pina disse...

Agora fizes-te-me rir, nem imagino a tua correria...
Mas é muito compensador, olhares para eles e veres como crescem.
Espero que sejas a super mãe e te aguentes em mais este desafio.
Um bj no L. na M, e a ti, minha amiga, que tenhas muita força para os criares, eles te darão a recompensa.
Susana

Smas disse...

Linda, ser mãe é tudo isso que descreves e é maravilhoso.
Os meus filhos sempre dormiram mal e no início deixava-me cansada mas agora adapto-me aos horários deles. E olha que ele tem quase 5 anos e ainda me chama de noite e ela com quase 2 ainda bebe leite pelo menos 2 vezes por noite.
Bjs grandes daqui para aí

Norita disse...

Olha eu só de te ler fiquei cansada :) Como acompanhei um casal com duas gémeas sei mais ou menos do que estás a falar (claro não da experiencia, mas do que eles contavam, é engraçado diziam as mesmas coisas, porque será?) Mas acredito que acima de tudo isso tu te sentes realizada não é?
Beijinhos grandes e bom "trabalho" :)

Beijoquinhos fofas ao L e à M :)

Tixa disse...

Bem amiga pela tua descrição fiquei cheia de medo de ter gémeos!!! Porque como tu dizes não é um trabalho 9 to 5, é impossivel se com um já dizem que não é, então com dois....mas é como dizes no fim vale bem a pena...eu acho que é felicidade a dobrar.
Um bj enorme enorme

kitty disse...

Um desafio difícil, mas que vão superar, estão a superar, sem dúvidas!
:)
Bom fim de semana
Beijinho

Ana disse...

Eu revejo-me em tudo o que falas menos no dobro :)))
Se já é assim com a Nô que é só uma...
E eu a pensar que era a única que trocava o hidratante por mais 1 minuto a descansar a cabeça na almofada, mesmo que não seja a dormir :D

Beijocas ENORMES :***

Avozinha disse...

E que milagre que tudo isso é, não é?
Ass: uma mãe de gémeos...

PM disse...

Como é maravilhoso ler estes teus relatos!!!!!
Aproveita-os bem, mima muito!!!!!
E sai, sai de casa sempre que poderes!!! Acredito que te faça maravilhas!!!!
Beijocas ENORMES

YAMI disse...

Oi querida

Fiquei muito feliz a ler o teu post!!

Fizeste-me lembrar a minha altura :))

É um cansaço - bolas!!!

Sempre que quiseres fala comigo

O meu messenger é yamizita@msn.com - adiciona-me!

beijo e Bom fim de semana
yami

Bem Me Queres disse...

Amiga, não posso deixar de me sentir emocionada com o que escreves. Como eu penso em tudo aquilo que perdi....neste momento deveriam ser essas as minhas preocupações e não, como tem acontecido nestes ultimos meses, quando é a próxima transferência ou quando tenho de iniciar as picas.... como eu adorava porder estar neste momento a partilhar estas experiências e dizer-te que tudo melhorará com a idade dos pipizes....desculpa este desbafo, mas inevitavelmente estou a chorar.
Um beijinho mt doce a todos aí em casa

Tiquinha disse...

ah miga!! Já te vejo loira e de big bubies a cantar a musica.... devem estar uns lindões esses meus sobrinhos.... já pude constatar que o teu tempo é mesmo ao segundo, mas é por uma boa causa!! gostaria de te dizer que vai melhorar, mas vai ser sempre um 24 h job.....
beijoca enorme
tica

Pi disse...

Tenho muito que aprender contigo :-))))
Isto não é fácil!!!! Bjs

Anónimo disse...

Minha querida

Gostava que nos enviasse um e-mail dando o seu e-mail para juntar à base de dados da API.

Aguardo pelo mail para poder enviar uma cartinha de renovação da quota em Junho.

inscricoes@apinfertilidade.org

Cumprimentos,

API